× close tab
OOZE is an international design practice operating between the fields of art, architecture and urbanism.
×
×

ArchDaily Brazil

24 March 2018

Água Paulista: um sistema circulatório urbano para São Paulo

for English preview, scroll down

Como parte da 11ª Bienal de Arquitetura de São Paulo, o Ooze Architects foi convidado a desenvolver o Água Paulista, um projeto para investigar o potencial de tratamento descentralizado e natural da água na cidade e suas comunidades informais, com base na experiência do projeto-mãe Água Carioca, vencedor do LafargeHolcim Award 2017 for Latin America (bronze).

O Água Paulista fundamentalmente gira em torno de como lidamos com a água e as águas residuais em áreas urbanas. Em vez de ter que recolhê-las e transportá-las de cada casa para uma estação de tratamento fora da cidade, as águas residuais são limpas e reutilizadas diretamente onde são produzidas, criando belos espaços públicos e uma conexão mais próxima com a água. Não há necessidade de construir infraestrutura em grande escala, como redes de esgotos longas e dispendiosas, nem de transportar águas sujas, e ocorre redução de 50% no volume de água limpa transportada. Chamamos essa abordagem holística de Água Carioca e Água Paulista porque fecha o circuito em escala local.

> Leia o artigo completo online

***

Água Paulista: An Urban Circulatory System for São Paulo

As part of the 11th São Paulo Architecture Biennial, Ooze architects was invited to develop Água Paulista, a project to investigate the potential for decentralised, natural water treatment in the city and its informal communities. It builds on insights from parent project Água Carioca, winner of the LafargeHolcim Award 2017 (bronze) for Latin America.

Água Paulista – building on insights from parent project Água Carioca – fundamentally turns around how we deal with water and waste water in urban areas. Instead of having to collect and transport it from each house to a treatment plant outside the city, the wastewater is cleaned and reused directly where it is produced, creating beautiful public spaces and a closer connection with water. There is no need for large scale infrastructural work such as lengthy and costly sewers, no transportation of dirty water and 50% less transportation of clean water. We call this holistic approach Água Carioca and Água Paulista because it closes the loop on a local scale.


> Read the full article online [in Portuguese]

project:
Água Paulista, São Paulo

website:
www.archdaily.com.br

share on:
TwitterFacebookLinkedIn

Read next ››

OOZEArchDailyBrazilMarch2018hires.jpg
caption